Um novo tempo: Coletivo cultural de Rio Tinto cria a “Junina Arraiá Potiguara”

Promover e fomentar a cultura junina na cidade de Rio Tinto, esse é o objetivo de um grupo de agentes culturais compostos por jovens do município, que decidiu se unir para criar a mais nova Quadrilha – “Junina Arraiá Potiguara”.

O grupo informou que as atividades irão além da participação no período junino, e pretendem estender as manifestações artísticas e culturais para outras datas tradicionais.

De acordo com um dos agentes do grupo denominado ‘coletivo potiguara’, Vaninho Ribeiro, com a fundação da Quadrilha Junina, o município passa a ter representação ativa na Federação de Quadrilhas Juninas do Estado da Paraíba – FEQUAJUNE – PB, bem como na Liga de Quadrilhas Juninas da Zona da Mata – LIQUAJUSZM.

O coletivo vai atuar em diversos seguimentos de dança, como do xaxado, frevo, maracatu, samba, entre outros. Os membros também tiveram a preocupação de elabora a sua marca que carregará nas futuras apresentações, contendo ícones da cultura nordestina e o cocá da tradição indígena, com uma faixa ao meio apresentando o nome da Quadrilha.

Ele explicou ainda que, a escolha do nome “Junina Arraiá Potiguara”, é uma homenagem aos povos potiguaras que aqui habitam há séculos na região do Litoral Norte paraibano.

“Com total apoio do prefeito Fernando Naia, surge novo grupo cultural na cidade de Rio Tinto, e tem como missão promover e fomentar a cultura junina em nossa cidade e no Estado da Paraíba”, revelou.

COMPARTILHAR