Obras da Escola de Cravassú segue em rítmo acelerado

O prefeito de Rio Tinto Fernando Naia, vistoriou, acompanhado de uma comissão, as obras da Escola Municipal da comunidade de Cravassú, na zona rural do município. A obra executada pelo Governo Municipal está orçada em  R$1,3 milhão, valor oriundo de recursos do Programa Pacto Social do Governo do Estado da Paraíba.

Acompanharam as inspeções o novo secretário de educação, professor Neto, os vereadores Pereira de Salema, Claudecir Braz (Cal), e a vereadora Amanda Lima. Além de engenheiro do setor de projetos, Secretários, Diretores e Assessores do município.

Ao acompanhar os trabalhos ‘in loco’, o prefeito Fernando Naia considerou que as obras estão num ritmo acelerado e que o material empregado é muito satisfatório. “Nós já estamos muito otimista que dentro ainda deste ano nós conseguiremos inaugurar essa escola. Que vai ser uma escola de grande porte, com seis salas de aulas, laboratórios, um de informática e outro de ciência”, informou.

O gestor considerou que a entrega da nova escola vai sanar problemas antigos nas escolas da zona rural, como a exemplo, do multisseriado. Para Fernando, a gestão vai romper com a homogeneidade de turmas e também com as aulas centradas na exposição do docente que ensina a todos como se ensinasse a um só.

Naia considerou que a escola será de alto padrão e estará dialogando diretamente com o secretário de educação e equipe pedagógica para elaboração de um plano de ensino que proporcione uma melhor qualidade na conclusão do ensino fundamental aos alunos da zona rural.

“Queremos dialogar com um plano pedagógico para que o tamanho da obra seja o tamanho da responsabilidade de cada professor, de cada diretor. Para que a gente possa tirar o máximo de aproveitamento desta obra”, garantiu.

Calçamento de Taberaba

O prefeito visitou ainda as obras do calçamento da comunidade de Taberaba que está em fase de conclusão. Fernando explicou que a pavimentação está na etapa final, restando apenas a conclusão de uma ‘passagem molhada’.

“Fazer um calçamento em Taberaba significa dizer atender um pleito de mais de 50 anos daquela comunidade. Isso nos deixa muito envaidecidos de está trabalhando dentro de um planejamento que fizemos lá atrás na nossa campanha”, explicou.

 

 

 

COMPARTILHAR